Sobre presença, pratos no ar e a vida do lado de cá

Eu queria escrever um texto sobre presença, essa coisa tão falada quando a gente tem filhos. Trabalhando fora ou dentro, não importa a dinâmica da família, esse é um assunto que sempre está em pauta. Queria contar como as coisas fluem melhor quando dedico tempo efetivo com a Agnes, como ela fica mais calma, mais concentrada no que está brincando. Que beleza de mãe que consegue fazer várias coisas e… e aí veio a vida e aconteceu.

Além do que já existe em casa para fazer, agora ainda escrevo com mais frequência, como já comentei esses dias. Tem sido muito legal. Aqui no blog eu apareço dia-sim dia-não, e tenho um outro espaço onde escrevo todos os dias. O meu ideal é que não seja nada menos do que 400 palavras, no mínimo, mas acaba saindo coisas menores por lá, sim. Eu preciso de um tempo sozinha, tranquila, para pelo menos começar a fluir, e quase nunca encontro esse espaço. Enfim, depois volto pra contar melhor sobre isso. Sem mencionar que tenho sentido uma falta danada de ler. Faz tempo que minha rotina de leituras se degringolou, tenho até vergonha de contar, porque está realmente uma lástima e eu sempre amei os livros. Agora quero retomar essa prática, mas só sobra tempo mesmo durante as sonecas ou depois que ela dorme de noite. Tem muita coisa para eu fazer nesse pequeno intervalo, acreditem; cada dia escolho uma e assim vamos indo. Em meio a isso tudo ainda tem o fato de que agora estou aceitando algumas encomendas de doces e outras gostosuras, pois precisamos de uma graninha extra.

Com isso, não tem jeito. A Agnes acaba ficando sem a minha presença durante parte do dia. Quer dizer, eu estou aqui com ela, fisicamente; mas não estou. Sabe assim? No fim da tarde minha mãe sempre brinca com ela e é muito bom ter essa companhia, mas no geral eu vou fazendo tudo com a pequena por perto mesmo. Se não está com fome ou com sono, brinca fácil ao meu redor, bagunça as panelas, traz coisas pra mim, dança, enfim. Tem aprendido a se virar. O que acho muito bom e muito válido, aliás. Já de noite, quando bate o cansaço do dia, chora quando sento no computador. Pede colo e aponta pro quarto, para brincarmos juntas. Foi isso que aconteceu ontem, inclusive, e reparei que tem vezes que esse é o único momento que sento e largo tudo pra me dedicar só a ela, nem que seja 30 minutos.

Difícil essa coisa de conciliar, né? Sei que, na prática, é quase impossível 100% de dedicação, até por conta dos afazeres da casa, mas jogar o tempo pra ela lá pro fim da agenda também não é legal. Acabou que ontem eu nem escrevi lá no outro blog, porque simplesmente desliguei o computador e fiquei de voltar quando ela dormisse, mas aí ficou tarde, bateu o cansaço e fez muito mais sentido ir abraçar meu marido do que ficar sozinha na sala com o computador no colo. Prioridades.

Geralmente eu gosto de brincar com ela na parte da manhã, depois do café da manhã, antes de outras atividades. Mas também já percebi que rendo bem mais se escrevo de manhã. Ou seja, dificultou. Tudo indica que haverá uma mudança de horários por aqui, estar ausente a noite não está sendo muito produtivo, para nenhum lado.

E agora é conseguir equilibrar todos os pratos que me dispus a colocar no ar. Tempo para trabalhar com o que me trouxer moedas, tempo para trabalhar no que eu gosto muito, tempo para ler. Tempo para brincar com e estar presente para a minha pequena moça. E ter alguma vida de casal, além da social and familiar. E dominar o mundo. Nada menos que isso.

Vou conseguir, né?

Anúncios

1 comentário

Arquivado em presença, vida real

Uma resposta para “Sobre presença, pratos no ar e a vida do lado de cá

  1. Marina, o ponto de equilíbrio é tão, mas tão difícil de encontrar, né?!
    Eu queria muito estabelecer uma rotina pra escrever, ler, lavar o cabelo.
    E mesmo com eles na escolinha, e a faculdade ainda em greve eu não consigo.
    Caos.
    É o que se resume minha vida.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s